uk75yviv2xjm.curtasaude.com. gv-3q7h7tzue7d67h.dv.googlehosted.com google-site-verification=0UZ8gIUa2vq5epToSSkZBuOzpqRpVFBQnb2qSzhEAtM CURTA SAÚDE: BioMeC-EF

BioMeC-EF

BIOMECÂNICA / CINESIOLOGIA

INSTITUIÇÃO DE ENSINO: FACULDADE ÚNICA DE CONTAGEM.

Faculdade Única Rondonópolis - Home | Facebook

CURSO: Educação Física.

OBJETIVO DA DISCIPLINA: possibilitar a compreensão da Biomecânica e Cinesiologia no âmbito da Educação Física.

EMENTA: Os princípios biomecânicos gerais e específicos serão investigados com respeito a uma variedade de padrões de movimento. Inter-relações de anatomia, mecânica e nosso ambiente gravitacional serão descritos e aplicados ao esporte, exercício, atividades diárias, lazer e laboratoriais. Efeitos da antropometria, condições ambientais (tais como regras dos esportes e clima). Introdução à cinesiologia; histórico, cinética básica; cinemática básica. l. Cinemática linear e angular. Cinética linear e angular.

CH: 80 H.

PLANO DE ENSINO: Download.

ESTUDOS DIRIGIDOS E ATIVIDADES ASSÍNCRONAS

Estudo Dirigido 01 - BiomeQuiz -01 - CONHECENDO VOCÊ. 2,5 pontos.

Estudo Dirigido 02 - BiomeQuiz -02 - Cinemática. 2,5 pontos.

Estudo Dirigido 03 - Análise e descrição Cinesiológica de um Movimento relacionado a um exercício físico ou gesto esportivo (não serão aceitos trabalhos com o mesmo exercício ou gesto esportivo, ou seja, não serão aceitas cópias da literatura, da internet ou de outro aluno). Trabalho em dupla. 10 pontos.
Descrição do movimento (cinemática) nos corretos planos e eixos. Músculos envolvidos e ação, angulações, tipo de cadeia cinemática, fase concêntrica, excêntrica ou isometria. Articulações envolvidas e os graus de liberdade. Agonista, antagonistas e cinergistas dos movimentos. Analisar também os equipamentos (caso tenha utilizado no trabalho). Ilustrar o trabalho com fotografias e/ou filmagem. Demais considerações que achar importante para a análise. Literatura utilizada como referencial.


AULAS

INTRODUÇÃO A DISCIPLINA



Trilha assíncrona (aula invertida): https://padlet.com/ronylascasas/Bookmarks













Prática 01a:

Prática 01b:


Parte a:

Parte b:

Prática 02: análise cinesiológica:

POSTURA DURANTE AS ATIVIDADES DA VIDA DIÁRIA E TRABALHO
Você conhece as melhores posturas para suas atividades diárias?

DICAS GERAIS:
·        Não passar muito tempo na mesma posição (não existe uma única postura correta, todas elas geram dor. Existem posições que provocam menos desgastes);
·        Não dobrar as costas;
·        Não ficar muito longe do objeto a ser carregado;
·        Não virar o corpo com a carga sem manter as pernas fixas no chão;
·        Não escorar a carga na perna ou no joelho;
·        Não levantar objetos pesados acima de sua cabeça;
·        Prevenir a fadiga ao executar atividades pesadas e por períodos prolongados;
·        Mantenha suas costas eretas, mantendo ombros para trás e o peito para frente;
·        Contraia seu abdômen (o aumento adicional de pressão no abdômen diminui a pressão nos discos da coluna);
·        Ao abaixar-se, dobre apenas os joelhos;
·        Dê preferência a calçados que tenha pequenos saltos;
·        Sempre que possível, coloque os volumes mais pesados em um nível mais alto que o piso. Não coloque objetos pesados ou documentos em gavetas muito baixas, que estejam muito próximas ao piso.

QUANTO ESTIVER EM PÉ:

·        Evite curvar as costas;
·        Mantenha o abdômen contraído;
·        Mantenha seus ombros levemente para trás e sua cabeça erguida;
·        Ao ficar de pé por tempo prolongado, procure usar um suporte qualquer para alternar a posição dos pés sobre ele. Assim, você não concentrará todo o peso do seu corpo sobre as duas pernas simultaneamente.

Não dobrar a coluna ao fazer as atividades. Dobrar os joelhos para quando for levantar pesos e manter a coluna reta. O peso deve ser direcionado para que os músculos da perna façam à força.

Ao realizar trabalhos no chão ajoelhe e mantenha a coluna reta.


Ao transportar pesos, busque dividir entre os braços ou mantenha mais próximo ao corpo (próximo ao umbigo). Cuidado com obstáculos.


Faça a divisão de grandes pesos em partes menores: evite sobrecargas e desgastes futuros. Chame alguém para dividir o peso ou transporte sobre carrinho com roda.

Não carregar peso sobre a cabeça, pois pressiona os discos da coluna cervical gerando desgaste.
Ao retirar objetos do armário evite elevar os braços (cotovelos) acima da linha dos ombros e mantenha a coluna reta.

Suba escadas com a coluna reta.

Ao vestir a calça, sente-se antes em uma cadeira. Ao vestir a calça de pé há uma grande sobrecarga sobre a coluna.
Evite utilizar o sofá para assentar. Dê preferência para uma cadeira mais dura e com o encosto reto. O sofá é muito prejudicial à postura. Ao assentar mantenha a coluna reta, procure não ficar com os ombros caídos para frente.

Nas figuras (a) e (b) a posição das pernas proporciona uma pressão inadequada na região das coxas. Caso a cadeira seja alta, use um apoio levemente inclinado para os pés (c).

Ao dirigir, o uso de um apoio, colocado entre o encosto do assento e suas costas, proporciona a você uma posição confortável. Mantenha os braços dobrados e para isso arrede o banco para frente. A cada hora dirigindo descanse 10 minutos e faça exercícios: movimentar, caminhar, alongar.
Se você trabalha muitas horas sentado, procure alternar, ficando alguns minutos por dia em pé (a cada 50 minutos pare 10 minutos e faça exercícios: movimentar, caminhar, alongar). Sentar-se em cadeira muito baixa ocasiona dores nas costas. Sentar-se em cadeira muito alta faz com que você trabalhe com os pés suspensos, o que ocasiona dor nos músculos e má circulação nas pernas (varizes).

Não dobre ou gire o tronco com peso.

Girar o corpo é um considerável risco para as costas, principalmente, quando você está carregando um objeto pesado. Ao invés de girar somente o tronco, dê um giro com o corpo inteiro, movimentando os pés com pequenos passos.

Para um trabalhador: fique atento aos limites de peso que podem ser levantados sem causar problemas à sua saúde.
CUIDADO com algumas posturas:


Faça, sempre que possível exercícios de aquecimento (movimentações articulares) e dê preferência para os movimentos contrários àqueles que você realiza comumente no seu dia a dia.



CASO POSSÍVEL MANTENHA A PRÁTICA REGULAR DE EXERCÍCIO FÍSICO ORIENTADO ATÉ SE ACOSTUMAR COM UMA BOA POSTURA.
O posicionamento adequado das articulações lhe manterá por mais tempo funcional para as atividades diárias. Pratique, pelo menos, três vezes por semana de alguma atividade física (dê preferência ao que mais lhe agrade). Em caso de dúvida procure um profissional para orientá-lo, faça uma avaliação física.

MANTENHA-SE ATIVO COM QUALIDADE: PREVINA AS DORES, OS PROBLEMAS ÓSSEOS E MUSCULARES.


DESVIOS DA COLUNA 


ESPONDILOARTROSE
               
ESPONDILOLISTESE
EXERCÍCIOS RECOMENDADOS PARA ESPONDILOLISTESE
CORRETO POSICIONAMENTO - EM PÉ

CORRETO POSICIONAMENTO - ASSENTADO

CORRETO POSICIONAMENTO – DEITADO

Referência: Adaptado do Manual sobre ergonomia UNICAMP

Nenhum comentário:

Postar um comentário