uk75yviv2xjm.curtasaude.com. gv-3q7h7tzue7d67h.dv.googlehosted.com google-site-verification=0UZ8gIUa2vq5epToSSkZBuOzpqRpVFBQnb2qSzhEAtM CURTA SAÚDE: Curta Saúde: 10 passos para reduzir a massa corporal de gorduras

quinta-feira, 16 de abril de 2020

Curta Saúde: 10 passos para reduzir a massa corporal de gorduras

OBESIDADE NUNCA MAIS
10 passos para reduzir a massa corporal de gorduras
Perca peso ou altere a composição corporal?

NÃO OLHE APENAS O PESO DA BALANÇA!






Informações retiradas do documentário:

1- Não pule refeições.
2- Atenção às quantidades.
3- Substitua alimentos mais calóricos por menos calóricos.
4- Não culpe o metabolismo.
5- Mais proteína magra manterá saciado por mais tempo.
6- Sopa auxiliará a mantê-lo saciado por mais tempo.
7- Ter variedade é bom, porém cuidado com excesso.
8- Laticínios com pouca gordura ajudam a absorver menos gordura.
9- Exercícios podem queimar gordura principalmente após o exercício.
10- Manter-se ativo.

OBSERVAÇÃO:

Nunca se alimentar abaixo da Taxa Metabólica Basal - TMB. Além da possibilidade de perda de massa magra (músculos), o organismo também poderá reduzir a TMB (massa magra possui relação direta com a TMB) e qualquer tanto a mais que alimentar (do novo ajuste da TMB) poderá engordar, ou seja, ao subir na balança o peso reduz, porém é possível que esteja reduzindo a massa magra e aumentando a gordura corporal. Por isso a importância de fazer uma avaliação física (saber da sua composição corporal, a sua TMB e identificar se as intervenções estão funcionando - alimentares e do exercício físico). Lembrar que pode pular um treinamento (exercício físico), mas não deve pular refeições (EVITAR PERDA DE MASSA MAGRA). Assim, deve-se alimentar acima da TMB e oportunizar um balanço energético negativo através do Exercício Físico. Sugere-se reavaliar e alterar o planejamento dietético e o planejamento do treinamento físico entre 2 e 3 meses, principalmente com alterações da massa corporal total, composição corporal e TMB (adequar as novas realidades apresentadas nos testes/medidas).

Nenhum comentário:

Postar um comentário